Aaron Burr

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Aaron Burr
3º vice-presidente dos Estados Unidos Estados Unidos
Mandato 4 de março de 1801
a4 de março de 1805
Antecessor(a) Thomas Jefferson
Sucessor(a) George Clinton
Senador dos Estados Unidos por Nova Iorque
Mandato 4 de março de 1791
a 4 de março de 1797
Antecessor(a) Philip Schuyler
Sucessor(a) Philip Schuyler
Vida
Nome completo Aaron Burr, Jr.
Nascimento 6 de fevereiro de 1756
Newark, Nova Jérsei,
América Britânica
Morte 14 de setembro de 1836 (80 anos)
Staten Island, Nova Iorque,
 Estados Unidos
Progenitores Mãe: Esther Edwards
Pai: Aaron Burr, Sr.
Dados pessoais
Alma mater Universidade de Princeton
Esposas Theodosia Bartow Prevost
Eliza Bowen Jeme
Partido Democrata-Republicano
Assinatura Assinatura de Aaron Burr
Serviço militar
Lealdade Exército Continental
Anos de serviço 1775–1779
Graduação Tenente-Coronel
Batalhas/guerras Guerra da Independência dos Estados Unidos

Aaron Burr, Jr. (6 de Fevereiro de 1756, Newark, Nova Jersey14 de Setembro de 1836, Staten Island, Nova Iorque), foi um militar e político dos Estados Unidos, filho de Aaron Burr, Sr., foi tenente-coronel dos exércitos e membro fundador do Partido Democrata-Republicano no estado de Nova Iorque apoiou fortemente o governador George Clinton. Tornou-se no terceiro vice-presidente dos Estados Unidos (4 de Março de 18014 de Março de 1805) durante a presidência de Thomas Jefferson, ainda que seja mais famoso pelo seu duelo com Alexander Hamilton (que resultou na morte deste último), pelas suas presumíveis conspirações secessionistas e seu processo e absolvição final por traição1 .

Referências

  1. Burr, Aaron. Diretório Biográfico do Congresso dos Estados Unidos. Página visitada em 3 de março de 2012. (em inglês)
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.








Creative Commons License