Brad Pitt

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde novembro de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.


Brad Pitt
Brad Pitt em 2012.
Nome completo William Bradley Pitt
Nascimento 18 de Dezembro de 1963 (50 anos)
Shawnee, Oklahoma
 Estados Unidos
Ocupação Ator
Produtor
Cônjuge Jennifer Aniston (2000-2005)
Angelina Jolie (2005-presente)
Atividade 1987-presente
Oscares da Academia
Melhor Filme
2014 – 12 Years a Slave
Prêmios Globo de Ouro
Melhor Ator Coadjuvante
1996 – Twelve Monkeys
Prémios Screen Actors Guild
Melhor Elenco em Cinema
2009 – Inglourious Basterds
BAFTA
Melhor Filme
2014 – 12 Years a Slave
IMDb: (inglês) (português)
Brad Pitt assinando autógrafos para as tropas em 7 de dezembro em visita a Base Aérea de Incirlik , na Turquia.

William Bradley Pitt mais conhecido como Brad Pitt (Shawnee, 18 de Dezembro de 1963), é um premiado ator e produtor cinematográfico norte-americano e um dos grandes símbolos sexuais do cinema contemporâneo.1

Biografiaeditar | editar código-fonte

A apenas duas semanas de se formar, Brad largou a faculdade e mudou-se para a Califórnia, com ideia fixa de se tornar uma estrela do cinema. O sucesso não foi imediato. Nunca de se firmar a carreira, trabalhou como motorista, carregador de refrigerantes e na rede de fast-food chamada "El Pollo Loko". A partir de 1989, Pitt obteve pequenas pontas no cinema e na TV, como em "Too Young to Die?". Sua primeira grande chance foi com o filme Thelma e Louise, onde atuou junto a Geena Davis, substituindo o ator William Baldwin, que recusou o papel para fazer "BackDraft - Cortina de Fogo."

Brad Pitt chamou a atenção e foi convidado por Robert Redford para estrelar o poético Nada É Para Sempre, filme que decididamente o propulsionou ao estrelato. A partir daí, Pitt se tornou um ídolo, sempre alternando papéis de bom-moço como no épico e romântico Lendas da Paixão que elevou seu cachê para a faixa de US$ 8 milhões, com personagens violentos e desequilibrados como em Kalifornia, no sombrio Entrevista com o Vampiro, entre outros. Em 1995 a revista americana People o elegeu "O Homem Mais Sexy do Mundo", título que viria a se repetir em 2000. Mas Pitt foi realmente aclamado pela crítica por sua interpretação de um louco em Os Doze Macacos, papel pelo qual foi indicado ao seu primeiro Oscar de melhor ator coadjuvante. Nos últimos anos vem obtendo destaque em diversos filmes, como Clube da Luta, Onze Homens e um Segredo, Tróia, Sr. e Sra. Smith, Babel, O Curisoso Caso de Benjamin Button, pelo qual foi indicado ao Oscar de Melhor Ator, O Assassinato de Jesse James Pelo Covarde Robert Ford, Bastardos Inglórios entre diversos outros.

Seus mais novos projetos cinematográficos são: Guerra Mundial Z, baseado em guia de sobrevivência a zumbis, dirigido por Marc Foster (Monster's Ball) e deve chegar aos cinemas brasileiros no dia 28 de junho de 2013. E o novo filme de Ridley Scott, The Counselor, de acordo com o site The Grape Juice. Com previsão para chegar aos cinemas em novembro de 2013, o longa ainda tem no elenco Penélope Cruz, Cameron Diaz e a cantora Nicki Minaj

Vida pessoaleditar | editar código-fonte

A sua vida pessoal sempre foi destaque na mídia, em 29 de Julho de 2000, Pitt se casou com a atriz Jennifer Aniston, conhecida até então por interpretar Rachel Green no extinto seriado Friends, tornando-se um dos pares preferidos de Hollywood, o casamento começou a enfrentar problemas, e em 7 de Janeiro de 2005, foi anunciada a separação. A esta altura Pitt começou a relacionar-se com a atriz Angelina Jolie, com quem dividiu a cena em Sr. e Sra. Smith, um filme de ação com toques de comédia, no qual interpretam dois assassinos profissionais casados, mas que desconhecem a identidade laboral um do outro. Enquanto Brad e Angelina negavam manter qualquer envolvimento na vida real, começaram a ser fotografados juntos e a voar à volta do mundo em missões humanitárias, juntamente com o filho adotivo da atriz, Maddox Chivan Jolie. Pitt a acompanhou à Etiópia onde em Julho de 2005 adotaram Zahara, que vivia em um orfanato. No final de 2005, Brad e Angelina visitaram por duas vezes o Paquistão como embaixadores das Nações Unidas para ajudar as vítimas de um sismo. Era evidente a aproximação de ambos, principalmente quando começou o período de divulgação do filme.

Em 2 de Dezembro de 2005 foi anunciado que Brad tinha iniciado o processo legal de adoção dos dois filhos adotivos de Angelina, o filho Maddox Chivan Jolie, nascido em 2002, no Camboja, e a filha Zahara Marley Jolie, tendo requerido também a mudança dos sobrenome destes para Jolie-Pitt. Pouco mais de um mês depois, em 19 de Janeiro de 2006, um juiz de Santa Mónica, na Califórnia, aprovou este pedido. Em 27 de Maio de 2006, Angelina Jolie deu à luz, na Namíbia, a primeira filha biológica do casal, Shiloh Nouvel Jolie-Pitt. Após o nascimento de Shiloh, já em 2007, Brad Pitt e Angelina Jolie adotaram um menino de três anos no Vietnã, chamado Pax Thien Jolie-Pitt. Em 12 de Julho de 2008, a atriz deu à luz gêmeos: Knox Léon Jolie-Pitt e Vivienne Marcheline Jolie-Pitt, ambos nascidos na França.

Quanto à sua crença, Brad afirma que é "20% ateu e 80% agnóstico".2 Pitt é um defensor do casamento homossexual.3 4 Em uma entrevista em Outubro de 2006, com a revista Esquire, Pitt disse que iria se casar com Jolie quando todos nos Estados Unidos é legalmente capaz para se casar. Em setembro de 2008, ele doou 100 000 dólares para a campanha contra 2.008 proposição de cédula da Califórnia Proposição, uma iniciativa para derrubar a decisão da Suprema Corte estadual que havia legalizado o casamento homossexual.5 Em março de 2012,Pitt foi destaque em uma performance de Dustin Lance Black 'play s,'8'-uma reconstituição encenada do julgamento federal que derrubou da Califórnia Prop 8 proibição sobre o casamento homossexual - como juiz Vaughn Walker.6 7

Filhoseditar | editar código-fonte

Brad tem, com Angelina Jolie, seis filhos, sendo três adotivos e três biológicos.

No cinema1 editar | editar código-fonte

Cinemaeditar | editar código-fonte

Ano Filme Personagem Nota
1987 Atraídos Pelo Perigo Garçom
"Hunk" Homem na Praia
No Way Out (1987) Piloto
"Less Then Zero" Homem incentivando a luta
1988 O Príncipe das Sombras Rick
"A Stony in Fulham Country" Teddy Johnson
1989 Happy Together Brian
Cutting Class Dwigth Ingalls
1990 Dias de Violência Billy Canton
1991 Across the Tracks Joe Maloney
Thelma & Louise J.D.
Johnny Suede Johnny Suede
1992 O Mundo Proibido Detetive Frank Harris
Nada É para Sempre Paul Maclean
Contact Cox
1993 Kalifornia Early Grayce
Amor à Queima-Roupa Floyd
1994 Um Favor Indecente Elliott Fowler
Entrevista Com o Vampiro Louis de Pointe du Lac Razzie Award for Worst Screen Couple com Tom Cruise)
MTV Movie Award for Best Performance - Male
MTV Movie Award for Most Desirable Male
Indicado–MTV Movie Award for Best On-Screen Duo shared with Tom Cruise
Indicado–Saturn Award for Best Actor
Lendas da Paixão Tristan Ludlow
1995 Se7en Detetive David Mills MTV Movie Award for Most Desirable Male
Indicado–MTV Movie Award for Best On-Screen Duo shared com Morgan Freeman
Nominated–MTV Movie Award for Best Performance - Male
Os Doze Macacos Jeffrey Goines Golden Globe Award for Best Supporting Actor – Motion Picture
Saturn Award for Best Supporting Actor
Indicado–Academy Award for Best Supporting Actor
Indicado–MTV Movie Award for Best Male Performance
1996 Sleepers - A Vingança Adormecida Michael Sullivan
1997 Inimigo Íntimo Rory Devaney / Francis McGuire
Sete Anos no Tibet Heinrich Harrer
1998 Encontro Marcado Joe Black
1999 Clube da Luta Tyler Durden
Quero ser Joe Malkovich Cameo Não-Creditado
2000 Snatch - Porcos e Diamantes Mickey O'Neil Indicado–Satellite Award for Best Supporting Actor - Motion Picture
2001 A Mexicana Jerry Welbach
Jogo de Espiões Tom Bishop
Onze homens e um segredo Rusty Ryan
2002 Confessions of a Dangerous Mind Brad, Bacharel número 1
2003 Sinbad - A Lenda dos Sete Mares Sinbad (voz)
2004 Tróia Aquiles Teen Choice Award for Best Action Actor
Doze homens e outro segredo Rusty Ryan Indicado–Broadcast Film Critics Association Award for Best Cast
2005 Mr. & Mrs. Smith John Smith
2006 Babel - 2006 Richard Gotham Award for Best Ensemble Cast
2007 Treze homens e um novo segredo Rusty Ryan
O Assassinato de Jesse James pelo Covarde Robert Ford Jesse James Venice Film Festival – Volpi Cup for Best Actor
2008 Queime Depois de Ler Chad
O Curioso Caso de Benjamin Button Benjamin Button
2009 Bastardos Inglórios Tenente Aldo Raine
2010 Megamind Metro Man (voz)
2011 A Árvore da Vida Sr. O'Brien


Moneyball Billy Beane
Happy Feet Two (voz) Will
2012 Killing Them Softly Jackie Cogan
2013 World War Z Gerry Lane Indicado ao People's Choice Awards
12 Years a Slave Samuel Bass
The Counselor Westray
"Voyage of Time" Narrador
2014 Fúria Filmando

Documentários e pequenas participações

Premiações1 editar | editar código-fonte

  • Recebeu uma indicação ao Óscar de Melhor Ator (principal), por "O Homem que Mudou o Jogo" (2012)
  • Recebeu uma indicação ao Óscar de Melhor Ator (principal), por "O Curioso Caso de Benjamin Button" (2009)
  • Recebeu uma indicação ao Óscar de Melhor Ator (coadjuvante/secundário), por "Os Doze Macacos" (1995).
  • Recebeu 3 indicações ao Globo de Ouro de Melhor Ator - Drama, por "Lendas da Paixão" (1994), "O Curioso Caso de Benjamin Button" (2009) e "O Homem que mudou o Jogo" (2012).
  • Ganhou o Globo de Ouro de Melhor Ator (coadjuvante/secundário), por "Os 12 Macacos" (1995).
  • Recebeu 1 indicação ao Screen Actors Guild Awards de melhor ator em cinema por “O Curioso Caso de Benjamin Button” (2009).
  • Recebeu 3 indicações ao Screen Actors Guild Awards por melhor elenco (cinema) por “Babel” (2007); O Curioso Caso de Benjamin Button (2009); Bastardos Inglórios (2010). Venceu por "Bastardos Inglórios".
  • Recebeu 2 indicações ao MTV Movie Awards de Melhor Ator, por "Entrevista com o Vampiro" (1994) e "Os Doze Macacos" (1995). Venceu por "Entrevista com o Vampiro".
  • Ganhou 2 vezes o MTV Movie Awards de o Mais Gostoso, por "Entrevista com o Vampiro" (1994) e "Os Doze Macacos" (1995).
  • Recebeu 3 indicações ao MTV Movie Awards de Melhor Equipe, por "Entrevista com o Vampiro" (1994), "Seven" (1995) e "Onze Homens e Um Segredo" (2001).
  • Ganhou o Framboesa de Ouro de "Pior Dupla", por "Entrevista com o Vampiro" (1994).

Referências

Ligações externaseditar | editar código-fonte

Commons
O Commons possui multimídias sobre Brad Pitt
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Brad Pitt








Creative Commons License