Brazabrantes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Brazabrantes
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Fundação 1958
Gentílico brazabrantino
Prefeito(a) Joseile Farias de Mendonça (PSDB)
(2009–2012)
Localização
Localização de Brazabrantes
Localização de Brazabrantes em Goiás
Brazabrantes está localizado em: Brasil
Brazabrantes
Localização de Brazabrantes no Brasil
16° 25' 51" S 49° 23' 20" O16° 25' 51" S 49° 23' 20" O
Unidade federativa  Goiás
Mesorregião Centro Goiano IBGE/2008 1
Microrregião Anápolis IBGE/2008 1
Região metropolitana Goiânia
Municípios limítrofes Nova Veneza, Inhumas, Santo Antônio de Goiás
Distância até a capital 38 km
Características geográficas
Área 123,548 km² 2
População 3 232 hab. Censo IBGE/20103
Densidade 26,16 hab./km²
Altitude 761 m
Clima tropical
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,701 alto PNUD/2010 4
PIB R$ 31 239,602 mil IBGE/20085
PIB per capita R$ 9 483,79 IBGE/20085
Página oficial

O município de Brazabrantes possui uma população cerca de 3.232 habitantes (IBGE 2010). Localiza-se a 38 km de distância da capital goiana.

Em 2010, das pessoas ocupadas na faixa etária de 18 anos ou mais, 20,83% trabalhavam no setor agropecuário, 0,24% na indústria extrativa, 23,19% na indústria de transformação, 7,69% no setor de construção, 1,00% nos setores de utilidade pública, 11,58% no comércio e 34,23% no setor de serviços.

Possui IDHM de 0,718 (Atlas Brasil, 2010), que é considerado alto.Entre 2000 e 2010, a dimensão que mais cresceu em termos absolutos foi educação (com crescimento de 0,248), seguida por longevidade e por renda. 

A área urbana do município é composta pelos seguintes setores: Setor Central, Vila Ananias,  Esplanada Meia Ponte, Jardim das Acácias, Setor Bela Vista, Sol Nascente I, II e III, Residencial Andrelina, Otavino Borges Naves, Residencial Manoel Prada, Condomínio Marieta, Setor das Chácaras, Zona Rural.

Às margens do rio Meia Ponte, Brazabrantes tem uma grande e vasta área de preservação de matas do cerrado. Com suas festas típicas, o turismo vem crescendo; no mês de abril é feita a “Malhação de Judas” e também a “festa do boi”, além do agitado carnaval em fevereiro.

Históriaeditar | editar código-fonte

O povoamento deste município iniciou-se entre 1919 e 1920, com a doação de terras por João Francisco Toledo, para a formação de um patrimônio, cujo nome primitivo foi São João Batista do Meia Ponte. No mesmo período, foi inaugurada a Capela de São João Batista em torno da qual foram surgindo as primeiras moradas: casas de adobe e ranchos de capim, registrando-se como fundadores as famílias de Manoel Silvestre, Antônio e Marcelino Cordeiro de Toledo, Aleixo Inocêncio Teles, Aureliano Pimenta de Abreu além de doador da área urbana, João Francisco de Toledo.

As bases econômicas da povoação foram a agricultura e a pecuária. Depois de longa fase estacionária, o povoado alcançou a categoria de distrito, pela Lei Municipal nº 112, de 20 de maio de 1943, mantendo-se o topônimo São João Batista do Meia Ponte em homenagem ao padroeiro e ao rio de igual nome que banha os arredores da sede. Incentivados pela condição distrital, os habitantes aceleraram o progresso da localidade, com indústrias e comércios, alterando-se a denominação do distrito para Brazabrantes, em homenagem ao general goiano Braz Abrantes.

Sua autonomia político-administrativa foi obtida em 14 de novembro de 1958, pela Lei Estadual nº 2.090, ocorrendo a instalação oficial do município em 1º de janeiro de 1959.

Observaçõeseditar | editar código-fonte

Notas

Erro de citação: O elemento <ref> definido em <references> tem o atributo de grupo "nota", que não aparece no texto anterior.

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial. Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010. Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Página visitada em 04 de setembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Página visitada em 31 de julho de 2013.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Goiás é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.







Creative Commons License