Codó

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde março de 2014).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Município de Codó
Praça Nabi Salém

Praça Nabi Salém
Bandeira de Codó
Brasão de Codó
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 16 de abril de 1896
Gentílico codoense
Prefeito(a) José Rolim Filho (PV)
(2013–2016)
Localização
Localização de Codó
Localização de Codó no Maranhão
Codó está localizado em: Brasil
Codó
Localização de Codó no Brasil
04° 27' 18" S 43° 53' 09" O04° 27' 18" S 43° 53' 09" O
Unidade federativa  Maranhão
Mesorregião Leste Maranhense IBGE/20081
Microrregião Codó IBGE/20081
Municípios limítrofes N: Timbiras, Coroatá, Chapadinha, O: Peritoró, S: Governador Archer, Gonçalves Dias, São João do Soter, L: Caxias, Aldeias Altas
Distância até a capital 290 km
Características geográficas
Área 4 364,499 km² 2
População 118 072 hab. IBGE/20103
Densidade 27,05 hab./km²
Altitude 47 m
Clima Equatorial Af
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,558 baixo PNUD/20004
PIB R$ 458 606,174 mil IBGE/20085
PIB per capita R$ 4 031,06 IBGE/20085
Página oficial

Codó é um município brasileiro do estado do Maranhão. Possui uma área de 4.364,499 km², dos quais 4,452 km² estão em zona urbana e com população de 118.072 habitantes, de acordo com o IBGE em 2010, sendo então o sexto município mais populoso do Estado.

Históriaeditar | editar código-fonte

Codó recebeu esse nome porque naquela região havia codornas em abundância.

O início do povoamento de Codó data do ano de 1780, sendo um dos seus primeiros exploradores o agricultor Luís José Rodrigues. Antigo armazém de mercadorias, situado às margens do rio Itapecuru, foram fatores importantes para o seu desenvolvimento as atividades agrícolas mantidas pelo rico senhores da aristocracia rural maranhense e por agricultores portugueses instalados na Colônia Petrópolis, numa iniciativa de Francisco Marques Rodrigues. Decisiva também para o seu crescimento foi a imigração de sírios e libaneses, a partir de 1887.

O povoado de Codó foi elevado à categoria de vila por meio de Resolução Régia, assinada no dia 19 de abril de 1833. Através da Lei estadual n°13, sancionada pelo governador Alfredo de Cunha Martins, no dia 16 de abril de 1896, passou à condição de cidade.

Em 1892, construía-se a primeira indústria de Codó - Companhia Manufatureira e Agrícola, de propriedade de Emílio Lisboa. Um dos diretores da fábrica, genro do seu proprietário era o Sr. João Ribeiro, que em 1908 levava para Codó o Sr. Sebastião Archer da Silva que fora para trabalhar como escriturário e anos mais tarde se tornaria o proprietário da fábrica e uns dos principais políticos do estado do Maranhão.

Em 1900, Codó foi visitada pelo ilustre futuro presidente Afonso Pena. Chegou a bordo do vapor São Salvador, viajando com destino a Caxias, durante sua estada no Norte do Brasil.

Praça Ferreira Bayma, localizada no centro da cidade.

Geografiaeditar | editar código-fonte

Localiza-se no leste maranhense. A sua localização faz com que a cidade seja cortada pela BR-316 e a linha ferroviária São Luís - Teresina que segue até Fortaleza e serve de principal porta de escoamento da produção agroindustrial. O município apesar de estar no estado do Maranhão é muito mais ligado a capital piauiense Teresina pela proximidade de apenas 169 quilômetros. Sua altitude em relação ao mar é de aproximadamente 47m, o clima predominante é o Equatorial. Fuso horário UTC-3.

Demografiaeditar | editar código-fonte

A população do município de Codó, de acordo com o último censo realizado pelo IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, divulgado em 1º de dezembro de 2010, apresenta os seguintes dados:

  • População masculina: 57.432 habitantes - 48,64%,
  • População feminina: 60.640 habitantes - 51,36%,
    • Total das populações por gênero: 118.072 habitantes - 100,00%.
  • Zona urbana: 81.043 habitantes - 68,64%,
  • Zona rural: 37.029 habitantes - 31,36%,
    • Total da população do município: 118.072 habitantes - 100,00%.

Turismoeditar | editar código-fonte

Tem no seu carnaval a principal festa, famoso por começar uma semana antes da data oficial atraindo pessoas de toda a redondeza principalmente Teresina e São Luís que procuram um carnaval animado e sem violência. A cidade também conta com vários carnavais fora de época estando entre os principais: Micarecodó, Codó Folia e o famoso Cornofolia. Principais blocos alternativos: Cornofolia, Siri com Cãibras, Kakarecos e Dona Beija.

Religiosidadeeditar | editar código-fonte

A cidade de Codó é conhecida como a terra da macumba, meca da feitiçaria, ou capital da magia, pois contam que os terreiros existiam mesmo antes da sua fundação, e que Codó teria sido fundada por praticantes de cultos afro-brasileiros.

É em Codó que mora Bita do Barão, o mais famoso pai-de-santo do Brasil, muito solicitado por empresários e políticos, não só do Piauí e do Maranhão, mas do Brasil inteiro.

Durante todo ano, "romeiros" desembarcam em Teresina e seguem rumo a Codó, para conhecerem a capital da feitiçaria e trocarem experiências com os pais-de-santo locais.

Em Codó, assim como em Teresina, toda a manifestação umbandística é conhecida como Terecô.

Educaçãoeditar | editar código-fonte

Atualmente Codó conta com um pólo da UFMA (Universidade Federal do Maranhão) que possui cursos apenas de licenciatura, também conta com um pólo do IFMA (Instituto Federal de Educação Ciência e tecnologia do Maranhão), não possui nenhuma faculdade particular reconhecida pelo MEC.

Outras informaçõeseditar | editar código-fonte

Localizada a 292 quilômetros de São Luís, Codó foi grande produtor de algodão desde período colonial, participando ativamente do processo de industrialização do estado no setor têxtil, com funcionamento de uma fábrica que produzia algodãozinho, brins, mesclas, riscados e sacaria. Hoje destaca-se na produção de arroz, mandioca, milho e feijão. Limita-se geograficamente com os municípios de Afonso Cunha, Aldeias Altas, Caxias, Coroatá, Chapadinha, Dom Pedro, Gonçalves Dias, Governador Archer, Lima Campos e Santo Antônio dos Lopes.

Codó tem como principal característica arquitetônica seus casarões e armazéns antigos, tendo sua prefeitura (1896), estação ferroviária (1920) e ofício do registro civil (1910) no centro da cidade como destaque. Com um centro comercial continuo e de grande expressão, tendo na segunda-feira seu ápice, as ruas ao redor do mercado central tomadas por barracas e ambulantes, atraindo pessoas de cidades vizinhas como Coroatá, Timbiras etc.

É cortada por vários córregos como o da Água Fria e por três rios principais que são o Codozinho, o Saco e o Itapecuru. Sendo que os três se encontram e desembocam na Baía de São Marcos próximo a capital São Luís.

Ver tambémeditar | editar código-fonte

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial. Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010. Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Página visitada em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.

Raposo, Eduardo - O Estado do Maranhão: A História que ninguém contou, pág 98, ed. Vida

Ligações externaseditar | editar código-fonte

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Maranhão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.







Creative Commons License