Franceses

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Evolution-tasks.png
Atenção: Este artigo foi listado como um artigo com problemas.
Ajude-nos na discussão deste artigo. O motivo da marcação foi a seguinte: Alguém iniciou a tradução e abandonou o trabalho.
Franceses
French people - mosaic.PNG
População total

~110 milhões

Regiões com população significativa
 França        64 300 000

 Estados Unidos: 17 050 607  Canadá: ~ 4 988 670  Bélgica: ~ 3 217 511  Brasil: ~ 2 385 000 Suíça: ~ 1 485 000  Chile: ~ 500 000  Reino Unido: ~ 250 000  Alemanha: ~ 155 000  Austrália: ~ 98 333  Espanha: ~ 92 000  Luxemburgo: ~ 79 000  Itália: ~ 58 000  Nova Zelândia: ~ 53 757  Israel: ~ 40 000  Madagáscar: ~ 40 000  Portugal: ~ 30 000  Marrocos: ~ 30 000 Senegal: ~ 27 000  Tunísia: ~ 25 079  Argélia: ~ 25 000 Costa do Marfim: ~ 20 000

Línguas
francês
Religiões
Católica e Muçulmana
Grupos étnicos relacionados
italianos e alemães

De acordo com a constituição francesa, o povo francês refere-se a pessoas nascidas na França e/ou legalmente residentes com nacionalidade francesa, independentemente da ascendência, sem distinção de origem, raça ou religião.

Historicamente falando, no entanto, a base étnica dos franceses é de celtas ou gauleses, misturada com os Povos Itálicos ( incluindo os romanos, mas também lígures e outros povos latinos) e um grande número de povos germânicos da tribo dos francos que invadiram a Gália Romana (território correspondente à atual França) no fim do Império Romano. Estes últimos moldaram profundamente o território galo-romano, seja sob o aspecto étnico, principalmente em relação aos franceses das regiões centrais e norte do país, que possuem um fenótipo mais germânico ( à exceção dos descendentes de imigrantes), seja sob o aspecto político ao estabelecer um reino unificado, ou mesmo etimológico: etimologicamente, França significa terra dos francos.

Além dos três principais grupos étnicos ( celtas gauleses, latinos e germânicos), também contribuíram para a composição étnica inicial dos franceses: os bretões (celtas), principalmente na região da Bretanha; os aquitanos (bascos), com predominância na região histórica da Aquitânia; os ibéricos, lígures, normandos na região da Normandia, vários povos germânicos como burgúndios, visigodos, bem como no sul do país, os gregos e minorias árabes (mouros e sarracenos) e de judeus.

Depois da Segunda Guerra Mundial, há também um grande contingente de habitantes de origem africana e árabe, muitos vindos de ex-colônias francesas como o Senegal, Camarões, Tunísia, Marrocos, Argélia, etc. Além desses, há também minorias de origem basca, eslava (polacos e húngaros) e judaica no país.

Em decorrência da grande imigração, estima-se atualmente que quase 40% da população francesa tenha pelo menos um antepassado nascido no estrangeiro. O exemplo que mais ilustra essa diversidade étnica da França atual é a figura do ex-presidente Nicolas Sarkozy, filho de pai imigrante húngaro e mãe de origem greco-judaica.

Grupos étnicoseditar | editar código-fonte

Os modernos franceses descendem de celtas, ibéricos, lígures e gregos que se estabeleceram no sul do país,1 2 e se misturaram aos povos germânicos que chegaram no final do Império Romano - os francos e os burgúndios - bem como aos mouros e sarracenos3 4 além de vikings normandos que se instalaram principalmente na Normandia, no século IX. Quando os normandos conquistaram a futura Normandia, estabeleceram alianças com os francos ocidentais através dos casamentos do rei Rollo e de seu filho Guilherme.5 6

Estima-se que dez milhões de cidadãos franceses, ou cerca de um sexto da população, seja de origem étnica ou nacional não-francesa. O grupo étnico europeu mais numeroso é constituído por pessoas de origem italiana, que constituem aproximadamente 10% da população.7 Isso se deve sobretudo à imigração italiana, especialmente durante o final do século XIX e início do século XX. Há também grandes grupos de origem alemã, espanhola, portuguesa, polonesa e grega. Além disso, devido às ondas mais recentes de imigração, a França apresenta um total de três a quatro milhões de habitantes árabes, berberes, africanos e aproximadamente 500.000 habitantes turcos.

Observe-se, no entanto, que, desde a Revolução Francesa o governo francês adota a política de não classificar oficialmente as pessoas segundo raça ou etnia, a fim de incentivar a integração, a assimilação, a unidade e o patriotismo franceses, independentemente da origem étnica e nacionalidade das pessoas.

A religião predominante entre a população é o catolicismo, os católicos romanos são 88% da população francesa, apesar do Estado ser extremamente laico e favorecer outras religiões não-francesas trazidas pelos imigrantes dos últimos anos.

Línguaeditar | editar código-fonte

Línguas e dialetos falados na França.

O francês é a língua oficial da França e de diversos outros países, como o Canadá, Bélgica e Suíça, embora haja numerosos dialectos e variantes da língua francesa.

Há também minorias falantes do occitano, do basco e do catalão.8

Referências

  1. Éric Gailledrat, Les Ibères de l'Èbre à l'Hérault (VIe-IVe s. avant J.-C.), Lattes, Sociétés de la Protohistoire et de l'Antiquité en France Méditerranéenne, Monographies d'Archéologie Méditerranéenne - 1, 1997
  2. Dominique Garcia: Entre Ibères et Ligures. Lodévois et moyenne vallée de l'Hérault protohistoriques. Paris, CNRS éd., 1993; Les Ibères dans le midi de la France. L'Archéologue, n°32, 1997, pp. 38-40
  3. "Les Gaulois figurent seulement parmi d'autres dans la multitude de couches de peuplement fort divers (Ligures, Ibères, Latins, Francs et Alamans, Nordiques, Sarrasins…) qui aboutissent à la population du pays à un moment donné ", Jean-Louis Brunaux, Nos ancêtres les Gaulois, éd. Seuil, 2008, p. 261
  4. "Notre Midi a sa pinte de sang sarrasin", Fernand Braudel, L'identité de la France - Les Hommes et les Choses (1986), Flammarion, 1990, p. 215
  5. The normans Jersey heritage trust.
  6. Dudo of St. Quentin's Gesta Normannorum, tradução inglesa..
  7. COHEN, Robin. The Cambridge survey of world migration. University Press, Cambridge, 1995.
  8. [8-http://www.assemblee-nationale.fr/connaissance/constitution.asp Título não preenchido, favor adicionar].

Ver tambémeditar | editar código-fonte

Ícone de esboço Este artigo sobre França é um esboço relacionado ao Projeto Europa. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.







Creative Commons License