Geografia da Colômbia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Geografia física da Colômbia

Mapa da Colômbia

Continente América do Sul
Região América Andina
Coordenadas geográficas
Área  
 - Ranking 25º maior
 - Total
 - Terra
 - Água
Fronteiras  
 - Total
 - Países vizinhos Brasil, Venezuela, Peru, Equador e Panamá
Linha costeira
Reivindicações marítimas  
 - Mar territorial nm
 - Zona contígua nm
 - Zona econômica exclusiva nm
 - Plataforma continental nm
Extremos de elevação  
 - Ponto mais alto
 - Ponto mais baixo
Relevo
Clima
Recursos naturais
Uso da terra  
 - Terra arável
 - Cultivos permanentes
 - Outros
Terra irrigada
Perigos naturais
Problemas ecológicos

A metade ocidental da Colômbia é dominada pelos Andes, que se dividem em três grandes cordilheiras, a Cordilheira Ocidental, a Cordilheira Central e a Cordilheira Oriental. Entre as cordilheiras estendem-se os vales dos rios Cauca e Magdalena, que fluem para as planícies de baixa altitude ao longo das costas do mar das Caraíbas. As cordilheiras albergam vulcões ocasionalmente ativos, e o ponto mais elevado é o Pico Cristóbal Colón, com 5.775 m.

A metade oriental caracteriza-se por planícies baixas, com frequência densamente florestadas, por onde correm muitos rios incluindo o Putumayo, o Yapura, o Meta e o Guaviare, que ou se dirigem para o Orinoco ou para o Amazonas.

As ilhas de San Andrés e Providencia, nas Caraíbas, e a ilha de Malpelo, no oceano Pacífico, também fazem parte da Colômbia.

O clima é tropical ao longo de ambas as costas e nas planícies orientais, ao passo que as terras altas podem ser consideravelmente mais frias. A maior cidade da Colômbia é a sua capital, Bogotá, e as outras cidades importantes são Medellín, Cali, Cartagena, Barranquilla, Ibagué, Manizales, Pasto, Pereira, Cúcuta e Bucaramanga.

Geologia e relevoeditar | editar código-fonte

Mapa físico da Colômbia.

Na Colômbia, na sua extremidade norte estão os Andes que dividem-se em três ramos principais: as cordilheiras Ocidental, Central e Oriental.

A cordilheira Ocidental estende-se do Equador até a planície do mar das Antilhas, seguindo aproximadamente a linha do Pacífico. Ao sul é franqueada por íngremes camadas paleozóicas e mesozóicas. O Nevado del Cúmbal, perto da fronteira com o Equador, atinge 4.893m.

A cordilheira Central ou Quindío, a mais alta das três, é separada da Ocidental pelo vale do rio Cauca e da Oriental pelo vale do rio Magdalena, terminando em colinas baixas perto da confluência dos dois rios. Consiste principalmente em arenitos cretáceos e rochas porfiríticas. Os picos mais elevados são o Nevado del Tolima (5.620m), o Nevado del Ruiz (5.300m) e o Nevado del Huila (5.750m). O batólito de Antioquia, velho planalto peneplanizado, a uma altitude de 2.130m, constitui prolongamento setentrional da cordilheira Central.

A cordilheira Oriental, formada por dobramentos cretáceos, divide abruptamente a região montanhosa de norte e oeste das planícies baixas do interior, que compreendem metade da área total do país. Ao sul, a selva é banhada pelos rios do sistema amazônico. Os Llanos ao norte dessas planícies transmontanas, são uma região de baixadas tropicais, banhadas pelos afluentes do Orinoco.

Climaeditar | editar código-fonte

Gráfico climático para Bogotá
J F M A M J J A S O N D
 
 
33
 
19
5
 
 
43
 
19
6
 
 
66
 
19
7
 
 
111
 
19
8
 
 
94
 
19
8
 
 
57
 
18
8
 
 
41
 
18
7
 
 
49
 
18
7
 
 
73
 
18
6
 
 
115
 
18
7
 
 
88
 
19
7
 
 
54
 
19
6
Temperaturas em °CPrecipitações em mm

Embora a Colômbia se situe quase inteiramente dentro da faixa tropical, o clima é modificado pela altitude e pela ação dos ventos. Temperaturas altas prevalecem nas áreas mais baixas, caracterizadas pela excessiva umidade e densas florestas. A zona subtropical compreende os vales e encostas entre 450m e 1.800m de altitude. Daí até os 3.000m encontra-se a zona temperada.

De modo geral, há duas estações anuais, o inverno, úmido, e o verão, seco. Variam, entretanto, amplamente em época e duração, segundo as diversas regiões. A área mais seca é provavelmente o extremo norte da península de La Guajira, onde a precipitação média é inferior a 250mm. A área de maior índice pluviométrico da Colômbia, e possivelmente de toda a América do Sul, é a faixa litorânea do Pacífico, sobretudo perto do divisor de águas dos rios San Juan e Atrato, onde precipitação média anual excede 10.000mm e não há estação seca.

Hidrografiaeditar | editar código-fonte

O Rio Magdalena no Departamento de Huila.

Os rios mais importantes da Colômbia são o Magdalena e seu tributário, o Cauca, que nascem no altiplano dos Andes, junto do Equador. O Magdalena deságua no mar das Antilhas, perto de Barranquilla. Aproximadamente na metade de curso de 1.528 km perde-se numa vasta rede de planaltos (ciénagas), lagos e lagoas. O Cauca, parcialmente navegável, apresenta areias auríferas que são exploradas desde 1909. O Atrato e o Sinú também correm para a costa norte e são ambos navegáveis. Entre os rios da costa do Pacífico, mais curtos, destacam-se principalmente o Truandó e o Salaqui. Dentre os rios das grandes planícies ocidentais, que deságuam no Orinoco e no Amazonas, sobressaem o Meta, o Guaviare, o Vaupés e o Caquetá.

Vegetaçãoeditar | editar código-fonte

Parques Nacionais da Colômbia.

A floresta tropical recobre as encostas e vales das cordilheiras, grande parte das planícies da costa norte e a porção meridional das planícies orientais. No entanto, os produtos florestais constituem potencial econômico inexplorado, sendo numerosas as espécies de palmeiras e orquídeas. Na zona subtropical há grande variedade de frutas e a zona temperada é a região agrícola. Acima de 3.000m a vegetação é raquítica, seguida, mais acima, de espécies alpinas.

Faunaeditar | editar código-fonte

Llama pacos.

A fauna amazônica estende-se à floresta colombiana, havendo preguiças, tamanduás, sarigüês e várias espécies de macacos. Os maiores herbívoros são as antas, duas espécies de pecaris, cutias, alpacas e veados. Os principais carnívoros são o puma, a onça e o quati. Conhecem-se mais de 1.500 espécies e subespécies de pássaros, sendo abundantes os tucanos. A fauna de répteis e insetos é ríquissima, sendo comuns o crocodilo americano e o jacaré.

Ver tambémeditar | editar código-fonte

Bibliografiaeditar | editar código-fonte

  • ALBUQUERQUE, Manoel Maurício de; COLÔMBIA. In: Enciclopédia Barsa. São Paulo: Encyclopædia Britannica do Brasil Publicações, 1994. v. 5. p. 400-401.

Ligações externaseditar | editar código-fonte

Bandeira da Colômbia Colômbia
Bandeira • Brasão • Hino • Cinema • Culinária • Cultura • Demografia • Economia • Forças Armadas • Geografia • História • Portal • Política • Subdivisões • Imagens







Creative Commons License