Manuel de Carvalho Pais de Andrade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Manuel de Carvalho Pais de Andrade (Pernambuco, 21 de dezembro de 1774 ou 1780 — Rio de Janeiro, 18 de junho de 1855) foi um político e revolucionário brasileiro.1

Biografiaeditar | editar código-fonte

Foi mandado para Lisboa parar concluir seus estudos, porém, refugiou-se na Ilha da Madeira em função da invasão de Portugal por tropas de Napoleão Bonaparte. Em Pernambuco, entrou para as sociedades secretas maçônicas-republicanas.

Participou da Revolução Pernambucana de 1817 e se refugiou, depois de seu malogro, nos Estados Unidos da América. De volta ao Brasil, ocupou o cargo de Intendente da Marinha.

Em 13 de dezembro de 1823, após a renúncia de Francisco Pais Barreto, foi eleito provisoriamente presidente da província de Pernambuco. Em 8 de janeiro de 1824 foi confirmado como presidente pelos eleitores pernambucanos, contra as ordens do governo imperial, que havia indicado Francisco Pais Barreto para a presidência.

Apoiado por Frei Caneca, proclamou em 2 de julho de 1824 a Confederação do Equador, movimento autonomista que questionava o excessivo autoritarismo e centralismo político do Imperador D. Pedro I (1822 - 1831). Derrotada a confederação, refugiou-se na fragata inglesa "Tweed" e seguiu para Londres, onde ficou no exílio até 1831.

Presidiu novamente a província em 1834 e foi deputado geral e senador do Império do Brasil de 1831 a 1855.

Também foi coronel da Legião da Guarda Nacional.

Referências

  1. Catálogo biográfico dos Senadores brasileiros, de 1826 a 1986 / concepção, coordenação, organização editoração: Leonardo Leite Neto - Brasília: Senado Federal, Centro Gráfico, 1986.


Precedido por
Francisco Pais Barreto
Presidente da província de Pernambuco
1823 — 1824
Sucedido por
Francisco Pais Barreto
Precedido por
Joaquim José Pinheiro de Vasconcelos
Presidente da província de Pernambuco
1831 — 1835
Sucedido por
Francisco de Paula Cavalcanti e Albuquerque


Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.







Creative Commons License