Pedro Parente

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Pedro Pullen Parente (Rio de Janeiro, 21 de fevereiro de 1953) é um engenheiro e político brasileiro.

Pedro foi chefe da Casa Civil da Presidência da República, de 1 de janeiro de 1999 a 1 de janeiro de 2003, ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão de 6 de maio a 18 de julho de 1999 e secretário executivo do Ministério da Fazenda. Desde 2010, é CEO e Presidente da Bunge Brasil.

Em lista publicada pela Revista Época em 2012, Pedro Parente foi apontado como uma das personalidades mais influentes do país, na categoria ‘construtores’.

Precedido por
Clóvis de Barros Carvalho
Ministro chefe da Casa Civil
19992003
Sucedido por
José Dirceu
Precedido por
Paulo de Tarso Almeida Paiva
Ministro do Planejamento do Brasil
1999
Sucedido por
Martus Tavares
Precedido por
José Jorge de Vasconcelos Lima
Ministro de Minas e Energia do Brasil
2002
Sucedido por
Francisco Luiz Sibut Gomide
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.







Creative Commons License