Polinésia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mapa da Polinésia no Oceano Pacífico.

A Polinésia (do grego πολύς ["muitas"] + νῆσος ["ilha"]) é um conjunto de ilhas no Oceano Pacífico.

Estendida sobre uma superfície oceânica enorme, tem em conjunto 298.000 km² de área e 4,5 milhões de habitantes. As suas ilhas maiores têm origem vulcânica, e as menores têm origem coralina. Dado que todo o território da Polinésia se encontra compreendido entre os trópicos, ela apresenta um clima equatorial ou tropical muito quente e úmido.

A maior parte das ilhas pertence aos Estados Unidos (Havaí, Midway, Samoa), à Nova Zelândia (Ilhas Cook, Tokelau), à França (as Ilhas Marquesas, Tuamotu, Tubuai e ilhas da Sociedade que formam a Polinésia Francesa) e ao Chile (Ilha da Páscoa, Sala e Gómez).

Muitas destas ilhas desempenham um importante papel estratégico, como bases navais ou aéreas. Quase todas têm uma economia pouco desenvolvida, que se baseia na agricultura de subsistência e numa modesta agricultura comercial. A excepção constitui as ilhas do Havaí, que, por possuírem uma economia baseada no turismo americano, gozam de grande prosperidade.

Protectorado das Ilhas do Pacífico das Nações Unidaseditar | editar código-fonte

Depois da derrota do Japão na Segunda Guerra Mundial, os Estados Unidos ocuparam as ilhas Carolinas e Marianas. E com a protectoração da ONU, os americanos se apoderaram com a guarda erroneamente das Nações Unidas, e vários outros países do Reino Unido, os Commonwealth e os Estados Unidos tiveram ganhos territoriais até as independências de seus territórios com o protectorado das Nações Unidas.

Ícone de esboço Este artigo sobre geografia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.








Creative Commons License