Regência (sistema de governo)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Regência (do latim: regens "aquele que reina"), o regente é uma pessoa selecionada para atuar como chefe de Estado (com um acordo ou não), porque o governante é menor de idade, não está presente, ou está debilitado, ou o reino esta num período de Interregno.

Um período regencial é aquele durante o qual alguém governa em nome do monarca, ou em nome da coroa enquanto o trono se encontrar sem monarca reinante.

Em uma monarquia, o regente geralmente governa por um desses motivos, mas também pode ser eleito para governar durante o interregno em que a linhagem real morreu, vindo-se a buscar, portanto, o parente mais próximo a família real. Este foi o caso da Finlândia e Hungria, onde a linhagem real foi considerada extinta no rescaldo da Primeira Guerra Mundial (1914-1918). Na Islândia, o regente representava o rei da Dinamarca como soberano da Islândia até que o país se tornou uma república em 1944.

Na polonesa lituana (1569 - 1795), os reis eram eletivos, que muitas vezes levou a um razoavelmente longo interregno. Nesse ínterim, foi o polonês Primaz católico romano, que serviu como regente denominado "interrex” (latim: "régua entre reis", como na Roma antiga).

Quando a família real portuguesa optou por fugir do Reino de Portugal para o Brasil designou na altura para governar, esse seu território que momentaneamente deixava, o Conselho de Regência de 1807.

No Brasil, as regências mais marcante foram o período entre 1831 e 1840, justamente chamado de Período regencial, assolado por várias rebeliões e o da D. Isabel atuou como Princesa regente nos períodos de (1870-1871, 1876-1877 e 1887-1888), durante a sua regência ela sancionou a Lei Áurea, com este feito o Papa Leão XIII lhe remeteu a comenda da Rosa de Ouro, como reconhecimento pela Abolição da Escravatura.

A Hungria, entre 1920 e 1944, foi um reino sem monarca, sob a regência do Vice-almirante Miklós Horthy.

Atualmente, existem apenas duas regências no mundo, o soberano Liechtenstein e a constitutiva do estado malaio de Kedah.

Ver tambémeditar | editar código-fonte








Creative Commons License