Rui Rio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rui Rio em 2010.

Rui Fernando da Silva Rio GCIH (Porto, 6 de Agosto de 1957) é um economista e político português.

Carreira académicaeditar | editar código-fonte

Rui Rio foi aluno do Colégio Alemão do Porto e licenciou-se em Economia, na Faculdade de Economia da Universidade do Porto, onde foi presidente da Associação de Estudantes e membro do Conselho Pedagógico.1

Vida profissionaleditar | editar código-fonte

Rio iniciou a sua vida profissional na indústria têxtil, de onde passou para o sector bancário. Como quadro do Banco Comercial Português, foi responsável pela montagem de operações de financiamento no mercado primário, pelo processo de admissão à cotação nas Bolsas de Valores, pelo estudo e concepção de novos produtos financeiros e pela formação de recursos humanos na área de Mercado de Capitais. Mais tarde, foi director financeiro da fábrica de tintas CIN e, posteriormente, seu presidente do Conselho Fiscal. Foi, ainda vogal do Conselho Fiscal da Caixa Geral de Depósitos entre 1993 e 1995. É vice-presidente da Assembleia-Geral da Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas.2

Carreira políticaeditar | editar código-fonte

Rui Rio entrou na política através da Juventude Social Democrata, onde foi vice-presidente da Comissão Política Nacional, entre 1982 e 1984. Entre 1996 e 1999 foi secretário-geral do PSD, com Marcelo Rebelo de Sousa. De 2002 a 2005 foi vice-presidente, com Durão Barroso e Pedro Santana Lopes, funções que repetiu, 2008 e 2010, com Manuela Ferreira Leite. Entre 1991 e 2001 foi deputado à Assembleia da República, pelo Círculo do Porto. Foi ainda vice-presidente do Grupo Parlamentar do PSD e seu porta-voz para as questões económicas.1

Em 2001 foi eleito presidente da Câmara Municipal do Porto,3 tendo sido reeleito com maioria absoluta em 2005, contra Francisco Assis, e em 2009, contra Elisa Ferreira. Preside também à Junta Metropolitana do Porto desde 2005.4 Foi presidente do Eixo Atlântico do Noroeste Peninsular, entre 2003 e 2005, e administrador não executivo da Metro do Porto, de 2002 a 2010.1

Publicou Política In Situ (2002)5 e Análise à Distribuição Regional do Investimento Público (1999)6 , colaborou nos jornais O Comércio do Porto, Público e Diário Económico. Ganhou o Prémio Carreira da Faculdade de Economia do Porto em 2012.

Em fevereiro de 2014, anunciou que vai abandonar a actividade política. Em Março de 2014 vai assumir o cargo de consultor sénior da Boyden e de parceiro da Neves de Almeida/HR Consulting, empresas da área dos recursos humanos7 .

Condecorações1 editar | editar código-fonte

Foi distinguido com:

Referências

  1. a b c d Site Oficial Câmara Municipal do Porto. Câmara Municipal do Porto. Cm-porto.pt.
  2. Site Oficial Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas. Otoc.pt.
  3. Site Oficial Câmara Municipal do Porto. Câmara Municipal do Porto. Cm-porto.pt.
  4. Site Oficial Área Metropolitana do Porto. Amp.pt.
  5. Política In Situ - ISBN 9789720451132
  6. Análise à Distribuição Regional do Investimento Público - Depósito Legal: I44683/99
  7. Rui Rio vai abandonar política e dedicar-se aos recursos humanos.
  8. a b c d e f Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Estrangeiras. Presidência da República Portuguesa. Página visitada em 2013-10-01. "Resultado da busca de "Rui Fernando da Silva Rio"."
  9. Rui Rio condecorado com a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique. Câmara Municipal do Porto. Cm-porto.pt.
  10. Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Portuguesas. Presidência da República Portuguesa. Página visitada em 2013-10-01. "Resultado da busca de "Rui Fernando da Silva Rio"."
  11. Visita Apostólica do Papa Bento XVI a Portugal - 11 a 14 de Maio de 2010 - Condecorações. Diocese-porto.pt.
  12. Site Oficial Câmara Municipal do Porto. Câmara Municipal do Porto. Cm-porto.pt.
Precedido por
Nuno Cardoso
Presidente da Câmara Municipal do Porto
8 de Janeiro de 2002 - 22 de Outubro de 2013
Sucedido por
Rui Moreira







Creative Commons License