Ukulele

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
ukulele, ʻukulele
Um ukulele
Informações
Classificação Hornbostel-Sachs
Instrumentos relacionados
Cavaquinho
Violão
Guitarra
Banjo

O ukulele, também conhecido como ukelele, é um instrumento musical de cordas beliscadas, geralmente com 4 cordas de tripa ou, mais usualmente, com materiais sintéticos como nylon, nylgut, fluorocarbono, entre outros.

Históriaeditar | editar código-fonte

O ukulele tem sua origem no século XIX tendo como ancestrais o braguinha ou machete e o rajão, instrumentos levados pelos madeirenses, nomeadamente João Fernandes, quando estes emigraram para o Havaí para trabalhar no cultivo da cana-de-açúcar naquelas ilhas. Ukulele, no idioma havaiano quer dizer, dentre as interpretações possíveis, “pulga saltitante”, por causa do movimento das mãos de quem o toca. Na interpretação da rainha Liliuokalani', o nome significa "presente de longe", numa referência às origens do instrumentos. Além de ser utilizado na música tradicional havaiana, o ukulele foi bastante utilizado na música popular americana. No pré-Segunda Guerra Mundial, foi utilizado por músicos de vaudeville como Roy Smeck e Cliff Edwards. Por ser portátil e relativamente barato, foi muito popular entre jovens músicos amadores durante a década de 1920, evidenciado pela impressão de diagramas de acorde para o instrumento nas partituras de música popular publicadas na época. No pós-Guerra, Mario Maccaferri produziu em larga escala ukuleles de baixo custo feitos inteiramente de plástico. Muito da sua popularidade foi cultivada pelo apresentador de TV e cantor Arthur Godfrey. Tiny Tim também se tornou um ícone do ukulele ao se apresentar com “Tiptoe Through the Tulips”. O interesse no ukulele caiu até meados dos anos 90, quando sua popularidade voltou a crescer. O conjunto Ukulele Orchestra of Great Britain, formado no final dos anos 80, faz versões de músicas pop no ukulele. O músico havaiano Israel Kamakawiwo'ole também ajudou a popularizar o instrumento, especialmente com seu pout-pourri de Over the Rainbow e What a wonderful world. George Harrison era um grande apreciador do ukulele, especialmente da sua variedade banjolele, e o utilizou nas gravações de algumas faixas do seu último disco, Brainwashed. Paul McCartney, que utilizou o ukulele na música Ram On, e hoje em seus shows homenageia George Harrison com uma performance de Something no seu Gibson tamanho tenor.

Atualidadeeditar | editar código-fonte

Músicos dos mais diversos estilos utilizam ou utilizaram o ukulele, como por exemplo:

Brasileditar | editar código-fonte

O ukulele tem alguma popularidade no Brasil hoje, sendo mais conhecido por causa do cantor Israel Kamakawiwo’ole e da banda Beirut. Alguns músicos e conjuntos brasileiros utilizaram o ukulele em suas músicas, como a cantora Marisa Monte, no disco Universo ao Meu Redor, o cantor Tiago Iorc, na música It's a Fluke do cd Zeski, e a A Banda Mais Bonita da Cidade na música Oração. O músico James Hill fez alguns workshops no ano de 2012 no país. Também presente em quase todas musicas da extinta bandaTRI.

Portugaleditar | editar código-fonte

Em 1998, por ocasião da Exposição Mundial de Lisboa, organizou-se pela primeira vez em cem anos um espectáculo com músicos do Havaí e da Madeira, no projecto Father and Son, apresentado nos palcos da EXPO'98 e organizado pela editora madeirense Almasud.

Detalhes técnicoseditar | editar código-fonte

Construçãoeditar | editar código-fonte

O ukulele normalmente é feito de madeira, entretanto existem alguns que são feitos inteiramente de plástico ou outros materiais. Os ukuleles mais baratos são feitos de madeira compensada laminada, sendo em alguns casos com o tampo feito de uma madeira superior maciça, como o abeto ou o mogno. Outros, mais caros, são feitos inteiramente de madeiras maciças, como mogno ou Koa. Usualmente os ukuleles tem o formato tradicional de um violão. Também existem outros formatos diferentes, como o “pineapple”, inventado pela oficina havaiana Kamaka Ukulele. Existem também os Flea e Fluke, que tem o fundo de plástico e o tampo de madeira laminada de alta qualidade. Também há o banjo-ukulele (ou banjolele), muito utilizado no Reino Unido por músicos como George Formby e Tessie O'Shea, que é um híbrido entre o banjo e o ukulele.

Tamanhoseditar | editar código-fonte

Quatro tamanhos de ukulele são os mais comuns: soprano, concert, tenor e barítono. Existem também os menos comuns sopranino, com uma escala mais curta do que a do soprano e os ukuleles baixo, nos extremos do espectro. O soprano, com a escala de 33 cm, também chamado de standard é o original e também mais tradicional. O concert, com escala de 38 cm, foi criado na década de 1920, como uma modificação do soprano, com um braço mais longo. O tenor, que tem a escala com comprimento de 43 cm, foi desenvolvido logo em seguida. O barítono, que tem a escala de 48 cm foi o último a ser inventado, na década de 1940.

Afinaçãoeditar | editar código-fonte

A afinação mais comum do ukulele soprano no seu auge na década de 20 era a em D6: (A4, D4, F#4, B4), mas hoje em dia a mais popular é a em C6 (G4, C4, E4, A4). Para os tamanhos concert e tenor a afinação mais usual também é a em C6. Uma característica do instrumento é a utilização da afinação reentrante, que a quarta corda é mais aguda do que a terceira. No entanto, uma quarta corda grave pode ser utilizada (afinação linear). O ukulele barítono normalmente é afinado linearmente em DGBE, como as 4 cordas mais agudas de um violão. O ukulele tenor, na época de sua criação também tinha essa afinação como recomendada.

Grafiaeditar | editar código-fonte

A grafia exótica do nome do instrumento pode gerar confusões. Já foram registradas diversas variações, sendo a mais comum "ukelele". A rigor, a palavra, na língua havaiana, é escrita ʻukulele, com a letra ʻokina no início. No entanto, em na língua portuguesa, seguindo a grafia americana, convencionou escrever-se sem.

Pronúnciaeditar | editar código-fonte

No Brasil, costuma-se pronunciar ukulele como uma palavra oxítona, devido a analogia com palavras de origem africana, como maculelê, não relacionada ao instrumento. Na pronunciação na língua havaiana, a palavra é paroxítona.

Commons
O Commons possui multimídias sobre Ukulele

Ligações externaseditar | editar código-fonte

Ícone de esboço Este artigo sobre um Instrumento musical é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.









Creative Commons License