Völkischer Beobachter

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Völkischer Beobachter era o jornal do Partido Nacional Socialista dos Trabalhadores Alemães (NSDAP). Era distribuído semanalmente, em 8 de fevereiro de 1923 passou a ser diário.

O "Jornal do combatente do movimento Nacional Socialista da Grande Alemanha" (Kampfblatt der nationalsozialistischen Bewegung Großdeutschlands), tem suas origens no Münchner Beobachter que em 1918 foi adquirido pela Sociedade Thule e em Agosto de 1919 tornou-se Völkischer Beobachter. O NSDAP comprou-o em 1920 a partir da iniciativa de Dietrich Eckart que tornou-se o primeiro editor.

Inicialmente a tiragem do jornal era de 8.000 cópias, mas aumentou para 25.000 no outono de 1923 devido a um aumento da demanda durante a Ocupação do Ruhr. Nesse ano Alfred Rosenberg tornou-se editor. Com a proibição do NSDAP depois do Putsch da Cervejaria em 9 de Novembro de 1923, o jornal teve sua publicação encerrada e só foi reiniciada em 26 de fevereiro de 1925 durante a reestruturação do partido. A circulação do jornal crescia acompanhando o sucesso do movimento Nacional Socialista, vendeu cerca de 120.000 exemplares em 1923 e 1.7 milhões em 1944.

No final de abril de 1945, alguns dias antes da capitulação alemã na Segunda Guerra o jornal teve sua publicação encerrada.

Ver tambémeditar | editar código-fonte








Creative Commons License